18/02/2010

Filmes da semana

AE do Lobisomem - São Jorge com direito a animação nocturna e muitos uivos;)


A história já todos conhecemos, depois do contacto com a besta, o homem e a lua formam uma forma ;) complexa...
A licantropia fica-lhe muito bem... sem dúvida o melhor deste filme é mesmo o Benicio del Toro

O Lobisomem (The Wolfman), refilmagem do clássico de 1941, dirigido por Joe Johnston (Jurassic Park 3), estrelado por Benicio Del Toro e Hugo Weavin.

Na trama, Larry Talbot retorna ao castelo de seu pai, no País de Gales, conhece uma linda mulher, Gwen, mas, numa noite fatídica, é mordido por um lobisomem e começa a viver uma sofrida maldição.
Além de Del Toro e Hugo Weaving , Emily Blunt, Anthony Hopkins também estão no elenco.

Sem dúvida o filme ganha muito pelo elenco e pela fotografia.

 Na terça de Carnaval decidimos fazer a sessão cinematográfica mesmo por casa...




ANTICRISTO
Heis uma critica que encontrei e concordo bastante - apesar de eu ter gostado bastante do filme.

Quero destacar uma ideia fundamental do filme, para além de outras - “mulher é um bicho do demônio!”.

Concordo com ideias como o femícídio e a misoginia  

Outra critica que gostei...
À parte das cenas ’surrealistas’, pra mim este filme expressou os nossos próprios ‘monstros’ a serem reconhecidos e não, escamoteados como o filme mostrou: quer se acalmar –> uma boa trepada resolve… O PRAZER, a busca pelo prazer ACIMA de tudo? É a fuga, a eterna fuga de si mesmo. Vai ver que o ‘anticristo’ está nisso…

Ontem foi a vez de voltarmos às AE e ver "A serious Man", dos irmãos Cohen... depois de "rasgar depois de ler"... que mais se podia esperar do que um humor retorcido e quase entendiante...
Sem dúvida que as suas mentes são brilhantes, porque dá sem dúvida trabalho e muita criatividade pensar daquela forma... tenho que digerir melhor ;)

Sem dúvida que é hilariante a relação do filho com o pai, to mesmo a imaginar... ele pensa pai e a imagem que lhe aparece é a da antena parabólica...

Eles pensam terapia e aparem rabinos e os melhores são as carcaças velhas...

Mas, conclusão... a pressão social e familiar à nossa volta, corrompe-nos e leva-nos a fazer mesmo aquilo que não queremos!!!
Afinal de contas "um homem não é de ferro!";)

Sem comentários: